terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

#MANUAL DO BOM CAIMENTO DA ROUPA#


























Estamos na época de promoções, e em breve vamos atualizar nosso guarda roupa com a nova coleção outono/inverno 2014. Mas antes de sair comprando ¨desvairadamente¨ por aí, vale lembrar que é justamente nestas horas que precisamos prestar mais do que a costumeira atenção, pois por estarmos focados apenas naquilo que queremos e não no que precisamos comprar, acabamos comentendo erros fatais. Um deles é deixar de observarmos o caimento da roupa. De nada adiante gastar horrores em um belo vestido ou terno, se ao chegar em casa, nós notamos que o ombro está repuxando ou que o vestido está formando pano nas laterais. A roupa precisa parecer que foi feita sob medida, costurada para nós e mais ninguém. Isso é o que difere um bom ou mau caimento da peça. O caimento quer dizer qualidade. Não devemos cair na tentação de levá-la só porque está barata. O preço pode não representar muito. Também não estou querendo dizer com isso que só peças caras tem bom caimento, muito pelo contrário, existem muitas marcas populares que se preocupam com isso e nós, como consumidores, também devemos estar atentos a isso em nome do estilo!

Para lhe ajudar, anota aí algumas dicas importantes:

  1. Decotes: não devem nunca dobrar nem ondular;
  1. Colarinhos: não devem apertar, devendo haver a sobra de um dedo para a respiração;
  1. Ombreiras: sempre naturais e bem colocadas;
  1. Cavas: devem permitir uma boa movimentação sempre! Sob pena de ficar presa na própria roupa;
  1. Costas: não devem formar bolhas, rugas ou qualquer tipo de volume;
  1. Cós: sempre com um espaço mínimo de dois dedos;
  1. Costuras: não devem enrugar nem repuxar;
  1. Lapelas: sempre simétricas e sem levantar;
  1. Bolsos: erro muito comum é que eles não podem abrir nem repuxar;
  1. Botões: sempre alinhados, sem deixar o tecido repuxar;
  1. Pregas e fendas: devem ser retas e fechadas, abrindo-se somente com o movimento da pessoa;
  1. Forro: não deve NUNCA aparecer nem prender os movimentos;
  1. Blazers e paletós: devem ter um espaço mínimo por dentro para permitir que se coloque uma camisa, podendo ser abotoados sem enrugar;
  1. Casacos de frio: devem ter um espaço para ser usado sobre paletós e blazers;
  1. Saias: devem sempre ter uma folga de 5cm na altura dos quadris para permitir o movimento natural;
  2. Calças: devem ter um espaço mínimo para a região do abdômen, coxas e nádegas. O cavalo deve estar na altura correta e não devem formar pregas.
Enfim... caso seja realmente difícil encontrar peças que tenham o caimento ideal no seu caso, não deixe de fazer os devidos ajustes sempre que necessário, afinal ainda existem costureiras gente
E tenha sempre em mente que:

Uma roupa simples com um bom caimento é sempre mais elegante do que qualquer vestido ou terno de alta costura que não se molda ao nosso corpo!
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário