quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

VESTIDO-A melhor modelagem para você.

        Com a aproximação do verão 2012 e o calor abrasador que promete, roupas leves e frescas como os vestidos são sempre boas opções para nós mulheres. E temos visto uma grande variedade de tecidos e modelagens nas revistas e lojas femininas, porém mais do que seguir tendência, precisamos nos preocupar com o nosso estilo e o caimento que é o fator determinante para estarmos sempre elegantes. Vocês já me viram mencionar o quanto é fundamental conhecer seu biotipo e quais as melhores opções de modelagens que valorizam seus pontos fortes e camuflam aqueles que não te favorecem, sendo assim a seguir dou dicas preciosas que se levarem em consideração dificilmente irão errar.





Tipo Retangular: A dica principal aqui é criar formas, por isso os vestidos acinturados são boas opções e as modelagens com franzidos e drapeados que criam volume na região do quadril favorecem muito este biotipo. Apenas tome cuidado com os vestidos longos pois podem te deixar ainda mais reta.






Tipo Pêra: Este biotipo é caracterizado pelos quadris largos, então a dica aqui é equilibrar as proporções por chamar a atenção para a parte de cima do corpo. Modelagem que favorecem muito é a em A que é mais justinha em cima e se abre na parte de baixo, porém sem criar volume, e as modelagens em evasê. Vestidos com decotes em V, ou que deixam as costas e ombros de fora são ideais, e você deve aproveitar o formato do corpo e valorizar a cintura, por isso fuja dos vestidos largos e sem formas.



 

Tipo Triângulo Invertido: A proposta aqui é usar modelagens que chamem a atenção para qualquer outra parte do corpo que não seja os ombros. Você deverá destacar a cintura e até as pernas que no geral são bem definidas e esbeltas neste biotipo. Vestidos que criam volume na parte de baixo (com bolsos por exemplo) também são boas apostas e dê preferência para tecidos fluidos e não os encorpados.







Tipo Oval:  Neste biotipo a cintura é maior do que os quadris e os ombros, sendo assim a dica é disfarçar a cintura com modelagens como túnicas ou vestidos com modelagem tipo camisa (chemise) até a altura do joelho que ficam bem elegantes. Neste caso os tecidos devem ser mais encorpados (que não marquem a silhueta) e os tons devem ser de preferência monocromáticos.





 
 

Tipo Ampulheta: O segredo aqui é evidenciar as formas consideradas ideais,  como a cintura, porém sem revelar demais. As modelagens não podem ser largas e nem justas demais, decotes super generosos e cumprimentos mini devem ser repensados. Tecidos fluidos e com bom caimento são as melhores opções.


Essas são as dicas de hoje, gostaria apenas de mencionar que os vestidos escolhidos como exemplos, são referências e apenas algumas das opções que considero ideal, existem muitas outras modelagens e comprimentos que eu poderia citar, sendo assim caso tenham algum vestido em casa ou em mente para comprar estou a disposição para ajudá-las.

Nenhum comentário:

Postar um comentário